Main menu

A Gosto de Verão 2019 - vai ser na ESAS

 

De 6 a 10 de Agosto, sempre às 21h30, o cinema ao ar livre está de volta com a edição 2019 do “A Gosto de Verão”.

Ao olhar de fio a pavio para esta programação nos ocorre o facto de todas as obras refletirem sobre o confronto do Homem com a sua natureza. Esse confronto dá-se logo na primeira sessão - que também é um cine-concerto sob a batuta de Mr. Gallini & Ricardo Soares - aquando da despromoção profissional e consequentemente social, com que o velho porteiro do Grande Hotel Atlantic se vê confrontado. Tal confronto acontece de semelhante modo ao Diamantino Matamouros, e à Irene quando esta percebe que o seu filho e primogénito cresceu e está prestes a sair de casa para jogar andebol na Alemanha. Quanto ao Dug, o mais novo da troupe das cavernas, que não aceitando a demanda expropriadora do Lord Nooth decide unir o seu clã contra este capitalista e péssimo jogador de futebol. E a meio da semana recebemos a Dona Ermelinda de Jesus que juntamente com a Tânia Dinis, sua neta, nos irão apresentar uma sessão de curtas-metragens sobre uns portugueses em constante descoberta. Ah… ainda falta o Porcão, que na verdade é um javali com personalidade de cão. Mas este só entra em cena no último dia.

E caso chova, rumamos para a Escola Secundária Alberto Sampaio, pois o cinema terá por força que acontecer.

PROGRAMAÇÃO DIÁRIA
Terça || 6 Agosto || 21h30m
CINE-CONCERTO
O último dos homens, de F.W. Murnau (Alemanha, 1924, 70’)
Musicado ao vivo por: Mr. Gallini & Ricardo Soares

Quarta || 7 Agosto || 21h30m
CINEMA PORTUGUÊS
Diamantino, de Gabriel Abrantes e Daniel Schmidt (Portugual, 2018, 97’)

Quinta || 8 Agosto || 21h30m
CURTAS METRAGENS (67’)
Como Fernando Pessoa salvou Portugal, e demais estórias não gaseificadas (67’)
Sessão apresentada por: Tânia Dinis e Dona Ermelinda de Jesus

PROGRAMA DA SESSÃO
Tio Tomás, a contabilidade dos dias, de Regina Pessoa (Portugal, animação, 2019, 13’)
Não são favas, são feijocas, de Tânia Dinis (Portugal, documentário, 2013, 10’)
A glória de fazer cinema em Portugal, de Manuel Mozos (Portugal, documentário, 2015, 17’)
Como Fernando Pessoa salvou Portugal, de Eugène Green (Portugal, ficção, 2018, 27’)

Sexta || 9 Agosto || 21h30m
CINEMA BRASILEIRO
Benzinho, de Gustavo Pizzi (Brasil, 2018, 98’)

Sábado|| 10 Agosto || 21h30m
CINEMA DE ANIMAÇÃO
A Idade da Pedra, de Nick Park (GB-França, 2018, 74’)

Plataformas

Ligações Importantes

Contactos

Rua Álvaro Carneiro
4715-086 Braga
Tel. 253 204 220
Fax. 253 204 224
http://www.aesas.pt

Facebook Twitter YouTube RSS Instagram